Contato: 11 3116.4520 | 3105.5786 Emergências: 11 94022.2333

Partiu Machu Picchu

A nossa dica é se planejar para viajar quando o tempo estiver mais seco.

Machu Picchu, Patrimônio Mundial da UNESCO e atração principal do Peru, tem nada menos que 2.400 metros de altitude e conta muitas histórias e mistérios. Neste post, você vai conferir as melhores dicas para montar o seu roteiro e conhecer a “cidade perdida dos Incas”. Vamos lá?

Situada a 74 Km de Cusco e 2.350 metros acima do nível do mar, a cidade passa por um período de muitas chuvas no período de verão, por isso, evite ir entre os meses de novembro e março. Programe-se para conhecer durante os meses de maio a setembro, pois chove menos.

A melhor época para ir é entre os meses de junho e julho, pois a precipitação é menor. Logo, a nossa dica é se planejar para viajar quando o tempo estiver mais seco. A temperatura média anual é por volta dos 20ºC e à noite, geralmente, cai pela metade. No inverno, pode chegar a até 0ºC.

Para chegar à região, há voos diretos – que saem do Rio de janeiro, Porto Alegre e, também, de Foz do Iguaçu. Também é necessário que o passaporte tenha validade mínima de seis meses para entrar e sair do Peru.

Ao programar a sua viagem para Machu Picchu, a principal cidade é Cusco, pois conta com uma ótima estrutura: pousadas, hotéis, restaurantes e comércios. Mas, devido à altitude, muitos turistas apresentam sintomas, como tontura, enjoos, dores na barriga, entre outros. Para amenizar, um dos hábitos mais comuns na região é tomar chá de coca ou mastigar as folhas. Se achar necessário, faça isso assim que chegar em Cusco e tome cautela com bebidas alcoólicas, por causa dos efeitos.

Entre as principais atrações está a Huana Picchu, que é a principal montanha do Peru, sendo a primeira que você vai avistar ao entrar na cidade. Se você quiser se aventurar, é possível subir por meio de uma trilha – a caminhada tem a duração aproximada de duas horas. Mas, é preciso comprar ticket e o acesso é liberado para poucas pessoas por dia.

No setor urbano de Machu Picchu, está localizado o Templo do Sol, local usado para a celebração de cerimônias religiosas. No centro, está situado o Torreón, única construção que tem o formato semicircular.

Outra dica é caminhar para conhecer a Ponte Inca, que está localizada a 30 minutos de caminhada do centro de Machu Picchu, e durante o trajeto você vai poder ter uma visão nítida do desfiladeiro da montanha. Por razões de segurança, o acesso à ponte é bloqueado, e já foi uma das portas de entrada para a cidade sagrada.

Durante o seu percurso para conhecer as belezas da região, tenha tempo para contemplar e registrar cada detalhe em fotos. Você vai ter oportunidade de encontrar e conhecer Alpacas e Lhamas.

Machu Picchu é um famoso sítio arqueológico que vale a pena ser explorado e se você puder contrate guias especializados, para que você possa saber mais sobre a história de cada templo, monumento e aproveitar ainda mais a sua viagem.

Programe a sua aventura com a Swwet Way. A agência oferece atendimento personalizado para você planejar cada item da sua viagem. Desta forma, você pode escolher passagem aérea, voos ou montar pacotes. Saiba mais aqui.

Deixe uma resposta

Sobre a Sweet Way

A Sweet way é uma agência que trabalha com uma proposta diferenciada no mercado: Atendimento personalizado ao cliente.

Ao entrar em contato conosco você será atendido por pessoas que realmente conhecem o assunto, sendo informado sobre os melhores destinos, os melhores hotéis e os preços mais baixos, além de locais para diversão e entretenimento. Tudo de acordo com o seu gosto e o seu bolso.